Recent Posts

domingo, 31 de janeiro de 2010

 
(Catarina Fernandes 2009)

Há coisas que me ultrapassam.

O segundo semestre começa amanhã, tenho medo... muito medo...
Ah.. e P.S: PASSEI A TUDO!!! 

sábado, 30 de janeiro de 2010

AVATAR 2009

 

AVATAR 2009
 
Penso ter sido uma das ultimas pessoas da minha conhecida blogesfera que ainda não tinha visto o filme "Avatar" mas isso mudou, hoje mesmo me dirigi ao cinema para ver o famoso filme cujo tantas criticas positivas tinha lido.
Deixo-vos então a minha critica ao filme, mas aconselho a ver-lo primeiro uma vez que as minhas criticas não são totalmente imparciais...

Para quem não sabe o filme passa-se noutro planeta que não o nosso que se dá pelo nome de "Pandora" onde o protagonista, um ex-fuzileiro paraplégico vais substituir o irmão numa experiência na qual vai tentar integrar-se através do uso de um avatar numa "tribo" local, com o objectivo de conseguir extrair o maior numero de riquezas da terra sem a interferência dos mesmo. O avatar trata-se de uma reprodução do fuzileiro com os genes dos nativos ao qual se liga via "Cibernauta?".
Isto é possível descobrir em qualquer trailer, mas o que não é possível e muitas vezes não o percepcionamos no visionamento do filme é a historia por traz da historia e os ideais políticos evolvente.
Ora, será esta "pandora" um lugar assim tão longínquo como o filme nos mostra? Veja-mos...
James Cameron, escritor e director, confronta-nos com uma imagem de guerra por bens materiais, na qual usa ideologias, e pesquisas cientificas como mascaras para se tornar uma guerra "moralmente aceite". Não será esta uma critica a nossa sociedade actual? A que vivemos agora mesmo na terra?
A verdade é que ao interagirmos com a realidade dos personagens nativos e com as suas historias acabamos por tomar o partido daquele povo inocente. Infelizmente na nossa realidade não temos as camaras que nos mostrem o outro lado e acabamos por aceitar falsas ideologias de guerra.

Quanto ao enredo amoroso, para ser sincera não me suscitou grande interesse uma vez que caíra mais uma vez nas historias de amor "cliche", em tudo semelhante com a Pocahontas, para quem se lembra do filme da Disney, onde a personagem principal uma rapariga indígena tem uma ligação directa com a terra e o povo inglês pretende conquistar o ouro das suas terras.

O que posso realmente salientar é o "fantástico", refiro me aos efeitos especiais do filme, que são de longe dos melhores que ja vi até hoje, não fosse este, o filme mais caro produzido ate hoje. Valei a pena? Penso que sim. Ao ver o filme, tinha as expectativas muito elevadas e não fiquei desiludida.

  • E tu o que achas-te?

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Vais ficar?

 (Pedro Pinto Fotografia, 2008 Catarina Fernandes)

(Hipoteticamente falando..)

E se eu pedir para fugirmos, vamos?
E se eu pedir para ficares, não foges?

Preciso de algo criativo, estimulante, de outro lugar que não este.
Outro passo a ritmo acelerado, o medo, a raiva, algo que me faça verdadeiramente sentir. Preciso de sangue quente e de noites frias ao relento, das estrelas, das tendas, de algo mais..
De fugir, gritar, escalar, tornar-me o bicho que outrora quis matar.

E agora? Fugi-mos ou vais ficar?

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Ferias!


Love is... Love is... Love is BLIND! 

Sim a "personagem" da foto acima é a minha pessoa!
Eu não sei quanto a vocês mas eu acabei de entrar hoje mesmo numas férias de 3 dias.
Com este frio são óptimas para ficar em casa. hihih

Segundo semestre? Venha ele..!! 




Agora falando de temas sérios (ou não). Este semestre descobri que tenho um serio problema com notas parentéticas.
Para quem não sabe são uma explicação de algo que referimos no texto, mas exterior ao texto. No entanto temos que colocar no próprio texto o número correspondente as nota.

 Essa é a definição atribuída por mim e a parte mais fácil do processo, porque sinceramente quando escrevo a pior coisa que me pode acontecer é ter que me lembrar que no final vou ter que explicar o que estou a escrever a meio. Fico com os fusíveis baralhados e acabo por perder o raciocínio.

No entanto. As notas parentéticas seriam bastante úteis na vida real, existem pessoas que realmente dava jeito poder parar a conversa e ir ler o que ela queria realmente dizer com isso. Tenho alguns exemplos como a maioria dos meus professores, a minha mãe, a minha irmã, and still on...

E tu. A quem obrigavas a fazer notas parentéticas no discurso?




sábado, 23 de janeiro de 2010

Sabado de trabalho?


(Catarina Fernandes, 2010)

Hoje tinha marcada duas sessoes fotografias.
Querem ver o resultado? Podem ver o meu trabalho como fotografa  -> aqui <-
Podem tambem encontrar muitas das fotos que vou postando ao longo do blog da minha autoria.
Se tens um DA partilha e deixa o teu link em comentario.

Vi num blog ontem a noite, uma menina que pedia temas para ela propria comentar.
Assim sendo sugiro que façam o mesmo.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010


(Catarina Fernandes, 2009)


(Na cozinha a fazer o jantar, 
ela a cortar legumes e ele a tratar da sobremesa)

O: Quando nos casar-mos vou tirar-te uma foto cada vez que estiveres a fazer o jantar.
C: Entao porque?
O: Ficas tão bonita, e assim talvez tenhas mais vontade de cozinhar para mim.

... São estas pequenas coisas que fazem valer a pena.  Amo-te!

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Lady Gaga- Speechless





(Lady Gaga- Speechless)

Não sou fã de Lady Gaga, mas gostei desta musica de um modo especial.
Fico, assim... Sem palavras para o mundo.

domingo, 17 de janeiro de 2010


( Apresento-vos a Maggie, Catarina Fernandes 2009)
...
We let the time run to forget the love
loving you would be a daring daily.
Inner shame misunderstood

(um dia acabo esta musica...)

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Ar Fresco



(Official Jason Mraz - I'm Yours video)


 Já me fazia falta um pouco de ar fresco.
Hoje tive uma coisa que se dá pelo nome de frequência de cultura, que nalguns casos, também se pode chamar suicídio em massa. Não me vou arriscar a dizer como correu visto que com esta professora acerto sempre ao lado.



A minha madrinha deu-me um emblema toma, toma =P


terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Update?

 
(Catarina Fernandes 2008)

Não sei quanto a voçês, mas eu hoje cheguei a minha frequencia de alemão completamente molhada.
A verdade é que este clima anda abusivamente estranho e talvez seja altura para quem não se preocupada começar a ter a noção que algo está errado e não há como o negar.
Admito que eu própria me questionei sobre o mesmo..  está frio minha gente! Mas o planeta esta em aquecimento progressivo. Trata-se entãa de uma contradição ou um fênomeno? Alguem que me explique.

Voltando-me agora para o tema que deixei em debate...
Gostava de o deixar por mais uns tempos a ver que tipo de respostas consigo obter.
Deixo tambem uma votação: "A favor ou contra o casamento gay"?


P.s: Amanhã tenho seriamente que estudar cultura... A minha listinha esta a ser feita.

Casamento Homesexual




Deixo-vos algumas das frase que encontrei na internet para debater-mos.
Logo a noite deixo-vos a minha opinião.

"Sempre acreditei e acompanhei a luta pelos direitos dos casais de homossexuais. Peço que todos que apoiam gays e lésbicas ajudem nossos irmãos e irmãs a serem ouvidos", Bruce Springsteen

Parada Gay virou circo" (Dimmy Kieer)

"A Igreja está redondamente enganada em relação à homofobia" (Carlos Minc)
 
Casamento: Casamento é quando duas pessoas estabelecem um vínculo religioso, civil ou social para morarem juntos. Pressupõe intimidade física depois do acto, para confirmar o vínculo (normalmente é cópula)



P.s: Hoje tive frequência de alemão.. Desastre? Vere-mos o que sai

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

o que mudou




 (Catarina Fernandes 2007)

Hoje parei para pensar, entre os meus lençoes tudo parecia tao pouco inquientante e de nada inspirador,  senti novamente a necessidade de escrever para mim.
Apercebi-me que o acto de escrita pode ser considerado um acto de egoismo complacente, uma espécie de segredo partilhado, uma antitese que me é necessária.
Ao fim de 3 meses paro!  Olho para traz e vejo do que me esqueci, perdida no meio de tantos recursos estisticos e ensio, esquecendo o que realmente significa escrever para mim.

Estive a ler alguns dos meus textos antigos... e depareime com a seguinte frase:

" Viver é ver o mundo de plateia" mas sinceramente nem me vejo a dizer tal coisa...
" Viver é NÃO ver o mundo de plateia" e agora... o que mudou?

sábado, 9 de janeiro de 2010

Feliz 2010


Olá a todos, desculpem tardar a responder mas tem me sido um pouco difícil abstrair de tudo e sentar-me um pouco a escrever.
A verdade é que ouve uma viragem do ano e não sei quanto a vosses mas quanto a mim foi uma virada de certo modo tambem na minha vida.
Deixo-vos uma lista de coisas conseguidas em 2009 e uma lista de desejos para 2010.
Desafio-vos a fazer o mesmo nos vossos blogues. Um beijo e até breve.

Em 2009:
-Entrei na Faculdade de Letras (Universidade de Lisboa) LLC
-Um ano de namoro
-Engordei 4 quilos
-Ganhei uma madrinha na universidade
-Descobri que preciso de oculos
-Perdi alguns dos meus melhores amigos.. nem tudo são coisas boas
-Mas fiz novos amigos também.


Para 2010:
-Tirar a carta de condução
-Comprar os oculos e o traje académico
-Arrumar o meu quarto (a fundo..ei de vos explicar o trauma)
-Trabalhar como fotografa
-Participar no jornal da faculdade assim que reaberto
-Passar a TUDO nos dois semestres
-Recuperar velhos amigos
-Passar o verão no Gerês
-Ir a Feira do Chotolate.

(and so on.....)

Estou seriamente a pensar em fazer uma lista e ir riscando o que me dizem?
Ocorreu um erro neste dispositivo
Ocorreu um erro neste dispositivo